Categorias
Blog

1ª edição do Ponta Negra de Portas Abertas

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Economia Solidária, realizou no sábado (30/03), na Praça Nossa Senhora das Graças, a 1ª edição do Ponta Negra de Portas Abertas, que reuniu 70 expositores e artistas do bairro e bairros próximos, como: Jaconé e Bambuí.

Entre os produtos comercializados: ovos e cestas de Páscoa, frutas, compotas, edredons, roupas, toucas, panos de prato, garrafas térmicas, fones de ouvido, canecas, acessórios para pets, filtros dos sonhos, produtos de perfumaria e bolsas de crochê. Mas o público também encontra uma variedade gastronômica com hambúrguer, pastel, cachorro quente, bolos caseiros e pudins, salgados, refrigerantes e cervejas, entre outros.

Moradora de Jaconé, Ruth Souza, 29 anos, é uma das artesãs locais que está no local.

“Hoje eu trouxe apenas os produtos de Páscoa, ovo de colher, bombom, por causa da época e eu estou gostando bastante do movimento. Mas além disso, eu também trabalho com delivery de brownies, bolos, copos da felicidade, todas essas coisas. E no próximo evento eu vou trazer para cá”, disse a moradora no dia de exposição.

Estefany de Souza, 22 anos, de Ponta Negra divulga seu trabalho de trança, cílios e sobrancelha numa das barraquinhas.

“Temos alguns cabelos feitos à mão e outros que não são, humanos e orgânicos. Também fazemos implantes com tic tac, rabo de cavalo, tranças. Nós damos um cartãozinho com o número então a pessoa pode escolher se quer colocar aqui mesmo ou prefere me encontrar depois, para colocar em casa. Mas ter um espaço assim, onde podemos divulgar o nosso trabalho, é muito bom. Estamos muito animadas e já queremos participar das próximas vezes”, declarou.

Moradora de São José do Imbassaí, Adenir Santos, 62 anos, contou que nasceu e cresceu em Ponta Negra e fez questão de prestigiar o evento.

“Eu vim passar o dia aqui em Ponta Negra, na casa da minha mãe. Na verdade, todo fim de semana, venho para cá, para ficar com ela. Aí meu filho chegou dizendo que estavam dando bombom aqui, então eu vim ver. Além disso, é caminho para a casa da minha sobrinha, que fica perto do campo. Achei muito legal, porque nunca teve isso aqui. Comprei uma sandalinha. O preço está muito bom, acessível”, declarou.

Gal Gomes, 72 anos, que está aproveitando o feriado prolongado numa casa em Jaconé, disse que a chuva a atrapalhou de circular pela cidade.

“Chegamos na quinta e não tínhamos saído para lugar nenhum, por conta da chuva. Mas aí, eu vi pela internet que ia ter essa feirinha aqui. Então, como não está chovendo, resolvemos vir curtir o dia em Ponta Negra e aproveitar para conhecer o evento. Ainda não comprei nada, mas já pesquisei algumas coisas”, pontuou.

Coordenador geral das feiras da Secretaria de Economia Solidária, Thiago Mesquita falou sobre a realização da primeira feira no local, um fato que não acontecia há quase 20 anos.

“A partir de agora, o Ponta Negra de Portas Abertas passa a acontecer uma vez por mês, sempre aos domingos. Dessa vez, só está sendo no sábado, devido ao domingo de Páscoa. Além das barraquinhas, teremos um grupo de bugres em parceria conosco, para que os visitantes possam explorar os pontos turísticos de Ponta Negra, como o canal, o farol. E já estamos conversando com os pescadores para ver se conseguimos também passeios de barco”, explicou o coordenador.

 

Em Ponta Negra está localizado o Experience By Carlos Burle, condomínio pronto para construir com localização privilegiada. Venha conhecer, fale com nossos consultores e conheça o seu futuro local dos sonhos.

Categorias
Blog

Nova ponte para servir de alternativa a pedágio da Rio-Santos

A Prefeitura de Itaguaí inaugurou a Ponte Hudison da Silva Loureiro, que interliga os bairros Coroa Grande e Itimirim. Com 10 metros de extensão, a estrutura é composta por uma via em mão dupla e uma área de passeio para pedestres em ambos os lados.

Além da execução da ponte em si, localizada entre a Avenida Amaral Peixoto, em Coroa Grande, e a Rua Itaguaí, em Frontal das Ilhas, a obra também implementou um novo sistema de iluminação e pavimentou as ruas de interseção.

O prefeito de Itaguaí, Rubem Vieira, enfatizou que a nova via tem como um dos objetivos ser uma alternativa ao pedágio da Rio-Santos.

“A gente não quer tirar o pedágio em si, a gente só quer que respeitem quem vai e volta. Não dá para você ir à padaria e pagar pedágio, ir ao posto de saúde e pagar pedágio. Dentro da cidade, o morador não tem que pagar pedágio. Isso é um absurdo. E essa ponte é uma forma de ajudar o morador de Frontal das Ilhas”, disse o prefeito durante a inauguração.

A Secretária de Obras de Itaguaí, Elisa Giovanna, também exaltou o resultado da obra. Vale lembrar que, antes, a passagem era feita através de uma estrutura improvisada pelos próprios moradores.

“Quando assumimos o governo, enfrentamos uma enchente muito forte aqui, e hoje, graças a Deus, com todas obras e melhorias que a prefeitura já fez, não sofremos mais em diversos pontos. Teve vez que chegamos aqui e não tinha mais ponte, devido à chuva. Além da ponte, fizemos um muro de contenção. Agora, todo aquele perrengue acabou. Isso é para os moradores”, falou a secretária.

Conheça o Privilege Sahy na região de Mangaratiba. Terrenos prontos para construir e um condomínio exclusivo!

Categorias
Blog

Construção da Praça da Colina à todo vapor em São Pedro da Aldeia

Empenhada em garantir mais qualidade de vida à população, a Prefeitura de São Pedro da Aldeia segue com as obras de construção da praça do bairro Colina. O objetivo é oferecer uma nova opção de lazer aos moradores em um espaço público com conforto e segurança.

Nesta semana, os serviços no local envolveram ações de emboço das rampas de acesso, limpeza e aterro da quadra poliesportiva, além da preparação da armação dos assentos da arquibancada.

Com uma área de 3,300 metros quadrados, o novo espaço contará com campo de futebol, arquibancada, quadra poliesportiva, área de convivência, estacionamento, área infantil com brinquedos e canteiros arborizados com espécies de árvores ornamentais e arbustos.

O secretário de Obras e Desenvolvimento Urbano, Fernando Frauches, comentou sobre as ações no local. “Seguimos realizando um trabalho de excelência, com o objetivo de proporcionar um novo espaço de lazer à comunidade da Colina, onde as crianças poderão desfrutar dos equipamentos que serão disponibilizados no local como quadra poliesportiva, para a realização de jogos de futsal, handebol, basquete, entre outras modalidades, campo de futebol, além dos brinquedos infantis”, destacou.

Venha morar em uma das regiões que mais cresce e traz melhorias para sua população conheça nossos terrenos no Mediterrané e Riviera. Lotes prontos para construir e feitos para quem sonha em viver com qualidade e segurança, é com a Prólotes.

 

Categorias
Sem categoria

Venha para Ponta Negra

O bairro de Ponta Negra é uma das principais escolhas de lazer entre os moradores e turistas que visitam a cidade de Maricá. O maior atrativo do local são as praias de Sacristia e Ponta Negra, mas além dos 6 km de extensão de areia, é possível ter uma vista única de toda orla, no farol de Ponta Negra. Outro point para quem visita o local é a gruta de Sacristia.

Levando em consideração o potencial turístico da região, a Prefeitura de Maricá através da Somar (Autarquia de Serviços de Obras de Maricá) deu inicio às obras de revitalização da orla. O projeto orçado em R$27,5 milhões vem a cada dia mais ganhando forma. Aliás, as obras seguem em ritmo aceleradas.  Entre elas está a construção da nova orla de Ponta Negra, um dos balneários mais procurados da região. À intervenção terá mais de 40 mil m² quando pronta.

Porém, muito além da orla, Ponta Negra começa a ver inúmeras transformações estruturais como as obras de saneamento básico iniciada no ano passado e que tem 30 km de extensão para beneficiar mais de 10 mil pessoas. Com isso, a região que fica perto de pontos como Itaboraí que receberá o Polo GasLab, que trará mais empregos de qualidade para a cidade, vem se transformando no desejo de quem quer morar em um local tranquilo, mas perto do que há de novo.

A Prólotes tem o Experience By Carlos Burle na região de Ponta Negra, que promete ser um dos melhores empreendimentos da região, com terrenos prontos para construir. Fale com a gente!

Categorias
Blog

Entenda como funciona o pedágio Free Flow na Costa Verde

Desde março de 2023 os motoristas que transitam pela Rio-Santos na altura de Itaguaí, (km 414), Mangaratiba (km 447) e Paraty (km 538) precisam pagar pedágio para CCR. Entretanto, o pagamento acontece no estilo Free Flow, onde o motorista não tem a necessidade de parar em uma cabine para efetuar o pagamento.

A medida foi inédita no país e vem dando certo, uma vez que não gera trânsito na via como o comumente acontece nos pedágios padrões. Entretanto, utilizar o pedágio no novo processo, tem algumas diferenças. Ao passar pelos três pórticos de pedágio, o computador registra o carro através da placa e modelo do carro. Assim trazendo uma cobrança direta para os carros, caminhões e ônibus, motos estão isentas da cobrança. Vale ressaltar que os valores a serem pagos sofrem alterações de acordo com os dias da semana.

Assim sendo, nos fins de semana e feriados nacionais, como previsto no contrato de concessão, a tarifa tem valores diferenciados tanto para carros de passeio, como para os comerciais. O horário vai das 18h de sexta-feira às 6h de segunda-feira. Nestes períodos, motoristas de veículos de passeio terão que desembolsar R$ 6,80. Para veículos comerciais, basta  multiplicar o valor de R$ 6,80 pelo número de eixos.

CONFIRA OS VALORES

Tipo de Veiculo Número de Eixos Paraty (P8) Mangaratiba (P9) Itaguaí (P10)
Automóvel, caminhonete
e furgão
2 R$ 4,10 R$ 4,10 R$ 4,10
Caminhão leve, ônibus,
Caminhão-trator e furgão
2 R$ 8,20 R$ 8,20 R$ 8,20
Automóvel e
caminhonete com semi-reboque
3 R$ 6,15 R$ 6,15 R$ 6,15
Caminhão, caminhão-trator,
caminhão-trator com semi-reboque e ônibus
3 R$ 12,30 R$ 12,30 R$ 12,30
Automóvel e caminhonete
com Reboque
4 R$ 8,20 R$ 8,20 R$ 8,20
Caminhão com reboque
e caminhão trator com semi-reboque
4 R$ 16,40 R$ 16,40 R$ 16,40
Caminhão com reboque e
caminhão trator com semi-reboque
5 R$ 20,50 R$ 20,50 R$ 20,50
Caminhão com reboque e
caminhão trator com semi-reboque
6 R$ 24,60 R$ 24,60 R$ 24,60
Caminhão com reboque, caminhão-trator
com semi-reboque
7 R$ 28,70 R$ 28,70 R$ 28,70
Caminhão com reboque, caminhão-trator
com semi-reboque
8 R$ 32,80 R$ 32,80 R$ 32,80
Motocicletas, motonetas
e bicicletas moto
Isento Isento Isento
Ambulância, Veículos oficiais
e do Corpo Diplomático
Isento Isento Isento

 

Categorias
Blog

UFRRJ terá Campus dentro de Maricá

Maricá vai ganhar um campus da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) numa parceria da instituição com a Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar). A disponibilização de cursos técnicos e mestrados no município é o fruto de trabalho conjunto entre as duas instituições, que já colaboram com os projetos Inova Agroecologia Maricá e Farmacopeia Mari’ká.

“O campus Avançado de Inovação Tecnológica da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro será implantado na Fazenda Nossa Senhora do Amparo, uma propriedade da Codemar onde já é desenvolvida pesquisa e cultivo de plantas medicinais no projeto Farmacopeia Mari’ká”, explicou o professor João Araújo, responsável pelo projeto.

Na fazenda serão construídos pelo menos quatro laboratórios focados em fitoterápicos, inovação, insumo farmacêutico ativo e qualidade, além de salas de aula. O espaço receberá alunos de cursos de graduação técnicos e também de mestrado em agricultura orgânica.

Farmacopeia Mari’ká

A Fazenda Nossa Senhora do Amparo fica no bairro do Caju e conta com campos de cultivo, viveiro de mudas e estufas automatizadas onde são produzidas as plantas medicinais utilizadas pelo projeto Farmacopeia Mari’ká. O programa tem a missão de promover o uso de fitoterápicos na rede SUS de Maricá e também de abrir caminho para novos negócios na cidade, como fornecedora de insumos para a indústria farmacêutica e de cosméticos.

Para produzir plantas medicinais, o cultivo precisa ser totalmente orgânico, sem uso de agrotóxicos e outras substâncias que poderiam contaminar o medicamento. A Fazenda Nossa Senhora do Amparo foi a primeira da cidade a conseguir a certificação orgânica.

Categorias
Blog

Novas passarelas estão em desenvolvimento em Maricá

A tão esperada passarela do loteamento Manu Manuela, em Maricá, na Região Metropolitana do Rio, foi inaugurada na última quinta-feira (7).

A estrutura é uma reivindicação dos moradores que sempre precisaram atravessar em meio a estrada. Com isso, a chegada da passarela é mais um ganho para segurança de Maricá.

A construção da passarela teve início em 12 de junho de 2023, com previsão de término em cinco meses. O remanejamento de postes de energia fez com que a obra fosse paralisada por um período.

Na inauguração, moradores do loteamento e membros da associação de moradores, estiveram presentes na entrega da passarela.  “A gente fica feliz porque sabe que outras pessoas não vão precisar correr o risco de atravessar a pista, então dá uma sensação melhor de segurança”, comentou Pablo Lyrio, morador da região

Durante a entrega da estrutura, a presidente da Associação de Moradores do Manu Manuela, Thayná Vila Real, falou sobre a importância da população usar a passarela na hora de atravessar.

“A gente sabe que dá pra passar por baixo, porque não vai ter a cerca de proteção, mas a gente tanto pediu, fizemos manifesto pacífico para que hoje a gente tivesse a passarela, então, a gente tem que conscientizar os moradores de que eles precisam passar por cima da passarela. E quem tem dificuldade, tem gente que tem fobia, a gente ajuda devagarinho. A gente dá a mão à pessoa, vai junto. Isso é um dever nosso como cidadão”, disse.

Outras duas passarelas também estão sendo construídas pelo município ao longo da Rodovia Amaral Peixoto. A estrutura do Parque Nanci está em fase final de construção, recebendo o serviço de pintura e deve ser inaugurada em breve. A outra estrutura fica em frente ao Hospital Municipal Dr Ernesto Che Guevara, em São José do Imbassaí, com cerca de 30 metros de comprimento, elevador, escada e rampa.

Categorias
Blog

O que são os condomínios sustentáveis?

Um condomínio sustentável é um empreendimento habitacional que incorpora práticas e características voltadas para a sustentabilidade ambiental, social e econômica. Esses condomínios buscam minimizar seu impacto no meio ambiente, promover a eficiência energética, economizar recursos naturais e criar um ambiente saudável para os moradores.

A Pró lotes tem o compromisso de empregar exatamente todos esses pontos em seus empreendimentos. Com isso, trazendo diferentes maneiras de sustentabilidade para ajudar os moradores e o meio ambiente a viver em perfeita harmonia, trazendo não só mais qualidade, como também economia e um mundo melhor. Dessa forma, trazemos as seguintes ações:

Eficiência Energética:

Utilização de tecnologias e materiais que promovem a eficiência energética nos edifícios, como isolamento térmico, vidros duplos e sistemas de iluminação LED.

Gestão de Resíduos:

Implementação de práticas eficientes de coleta seletiva e reciclagem. Estímulo à redução do desperdício por meio de iniciativas como compostagem.

Áreas Verdes e Paisagismo Sustentável:

Planejamento de áreas verdes que promovem a biodiversidade local Uso de plantas nativas e práticas de paisagismo que exigem menos água e insumos químicos.

Captação e Reuso de Água:

Implementação de sistemas de captação de água da chuva. Uso de tecnologias para reuso de água em atividades não potáveis, como irrigação.

Tecnologia Inteligente:

tilização de sistemas inteligentes para monitoramento e controle de consumo de energia, água e outros recursos.

Categorias
Blog

Descubra Vargem Grande e Vargem Pequena

A região de Vargens é sem sombra de dúvidas a região em maior desenvolvimento da cidade do Rio de Janeiro. Entretanto, ela é um mix de desenvolvimento de braços dados a natureza e história antiga do Brasil. Vargem Grande e Vargem Pequena possuem locais para quem gosta de agitação no mesmo ritmo de quem prefere a calmaria da natureza. Com polos gastronômicos conhecidos e renomados, ela se tornou uma ótima opção para passeios em família, espaços românticos para casais, momentos de aventura com os amigos e até mesmo um lugar incrível para se morar.

Para entender melhor tudo o que as Vargens tem para oferecer, a equipe da Pró lotes, maior loteadora do Rio de Janeiro fez um levantamento dos principais pontos para quem ainda está na dúvida se Vargens é de fato um bom lugar para se morar. Vale ressaltar que temos os melhores empreendimentos da região de diferentes modalidades para satisfazer todos os gostos. Mas antes, conheça Vargens com a gente:

Capela Nossa Senhora de Mont Serrat

 


A capelinha criada em 1766, fica no bairro de Vargem Pequena. O seu maior destaque no entanto é sua localização no alto de um monte a 120m de altura. Sua localização possibilita uma visualização única onde pode ser visto a Pedra do Pontal, boa parte de Jacarepaguá, Barra da Tijuca e Recreio, além da Pedra da Gávea e o mar ao fundo.

A Capela Nossa Senhora de Mont Serrat também é um passeio à parte. Sua pequena extensão reserva boa parte da história religiosa local, onde são realizadas missas, batizados e casamentos. Ela é tombada pelo Governo do RJ, por meio do Instituto Estadual do Patrimônio Cultural (Inepac), e, devido à beleza de seu altar-mor (restaurado recentemente, vale dizer), feito em madeira por artesãos populares do século XVIII, foi apelidada de ”Joia do Império”.

Haras Pégasus

Situado entre a praia do Recreio dos Bandeirantes e o Maciço da Pedra Branca, mais precisamente em Vargem Grande, ocupando uma área de 250.000 m², o Haras Pégasus se destaca como um dos melhores e mais bonitos Centros Hípicos do Brasil. Aliás, o local já foi o cenário de muitas produções da dramaturgia brasileira e é um centro de referência no cuidado aos cavalos.

Nascido em 1990 como criatório de cavalos da Raça Brasileiro de Hipismo, paixão do seu idealizador, Dr. Luiz Carlos Cavalcanti, teve em seu plantel importantes garanhões de origem alemã, tais como: Silvestre, Cortino, Gran Format e Chiasso. Hoje, mais voltado ao treinamento e alojamento de cavalos de esporte e lazer, abriga em torno de 120 animais, cuidados de acordo com as mais modernas técnicas de estabulagem e manejo. Para quem gosta de cavalgar, o Haras é o local ideal.

Parque da Pedra Branca

Parque Estadual da Pedra Branca possui o pico mais alto da cidade do Rio de Janeiro com 1024m de altura, também tem os seus limites ligados ao bairro de Vargem Grande. Embora o início da trilha que leva ao Pico da Pedra Branca se dê pela entrada chamada de Núcleo Pau da Fome, um sub-bairro de Jacarepaguá, em Vargem Grande também é possível acessar algumas cachoeiras pertencentes ao parque. O Rio Mucuiba é o mais famoso da região.

A trilha até a Cachoeira de Vargem Grande é de nível fácil, quase como uma caminhada, e leva em média 20 minutos a partir da cancela de entrada do parque.

Cervejaria Ziege Zag

A Cervejaria Ziege Zag faz parte também dos pontos interessantes para os frequentadores e moradores de Vargem Pequena. Criada em 2018, atualmente a marca possui 7 rótulos no total que serve para todos os gostos e estilos para quem quer aproveitar as noites quentes do bairro para se refrescar e encontrar os amigos.

A cervejaria também aceita pedido do chope via delivery ou para o cliente fazer a retirada na fábrica, também é possível consumir Béér Garden que funciona no local, harmonizando os rótulos da cerveja com os petiscos da casa. Assim sendo, Vargens possui sua própria chopperia.

Polo Gastronômico de Vargem Grande

Criado na década de noventa e com as forças retomadas em 2017, o Polo Gastronômico de Vargem Grande é uma saborosa opção para um passeio nos dias quentes de janeiro. Seja para almoçar, jantar ou tomar um lanche a área é um verdadeiro convite à boa gastronomia.

Em Vargem Grande graças a iniciativa associativa da comunidade local, foi criado o Polo que visa preservar o legado histórico e cultural da região, apoiando artistas locais e se transformando no circuito cultural e turístico da cidade do Rio de Janeiro e proteger as riquezas naturais do bairro. O Polo conta atualmente com 16 restaurantes renomados com pratos requintados que dão água na boca só de olhar.